Escotismo em Torres Vedras

Ajudamos a dar mais vida ao centro histórico da cidade!

Insígnia Associativa

 

Insígnia da AEP actualmente designada como Símbolo AEP Clássico


A insígnia associativa da Associação dos Escoteiros de Portugal e de quase todas as associações escotistas é a flor-de-lis. A flor-de-lis encontra-se na base das insígnias das associações escotistas, as quais lhe juntam elementos capazes de fazer sobressair a sua nacionalidade.

Assim, o carácter nacional da AEP traduz-se pela sobreposição à flor-de-lis, do escudo das quinas, símbolo que figura na bandeira de Portugal, e da divisa «Sempre Pronto», inscrita num listel, cuja forma semelhante à de um sorriso demonstra a satisfação de se estar preparado para agir, de acordo com os ditames do Compromisso e da Lei, em qualquer situação que se apresente. O significado da insígnia associativa é o seguinte:

 

 

 

  1. Pétalas superiores - recordam os três artigos do Compromisso de Honra;
  2. Linha vertical sobre a pétala central - simboliza o Norte, o rumo certo, o bom caminho que deve orientar a vida de um escoteiro;
  3. Estrelas nas pétalas laterais - representam os dois olhos vigilantes do escoteiro e os dez vértices das estrelas recordam os dez artigos da Lei do Escoteiro;
  4. Escudo das quinas – o escudo de armas de Portugal identifica a Pátria dos Escoteiros de Portugal;
  5. Travessão ou anel de união das pétalas - significa a fraternidade Mundial escotista;
  6. Listel «Sempre Pronto» - é a Divisa do Escoteiro e a sua forma lembra também o sorriso que demonstra a satisfação de se estar preparado para agir;
  7. Nó de remate do listel - é o nó da Boa Acção e chama a atenção para a sua prática diária.

 

 

Imprimir Email

0
0
0
s2sdefault

Escotismo com tradição!

Os escoteiros estão em Torres Vedras desde 1914 e o 129 foi oficialmente reaberto em 1999.

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao continuar a navegar está a concordar com a utilização de cookies neste site.
Ok