Escotismo em Torres Vedras

Ajudamos a dar mais vida ao centro histórico da cidade!

Atitude social dos Escoteiros de Portugal

 

A ação educativa realiza-se mediante a compreensão e o desenvolvimento da nossa sociedade, promovendo ações de serviço aos outros e estimulando as possibilidades de compreensão e de liderança.

Propomo-nos superar o individualismo, através da tomada de responsabilidades pessoais e comunitárias que a realidade nos oferece, isto é, propomo-nos educar para a convivência e o serviço aos outros.

Sob esta perspetiva, consideramos fundamental a educação em liberdade, a justiça e a responsabilidade, para conseguir a autorrealização e o desenvolvimento do carácter.

A educação social realiza-se fomentando a capacidade de autogestão nos sucessivos escalões etários, para chegar a um compromisso pessoal de serviço.

A diversidade de opiniões presentes na AEP não deve impedir-nos de tomar posições por aquelas opções que consideramos irrenunciáveis.
Comprometemo-nos portanto:

  • A desenvolver a nossa ação educativa, na linha da Declaração Universal dos Direitos do Homem.
  • A levar a nossa proposta educativa a toda a parte.
  • A trabalhar pelo desenvolvimento de atitudes democráticas, dentro do estabelecido pela Constituição Portuguesa.
  • A apresentar a nossa proposta educativa como mais uma opção para a sociedade, oferecendo novas possibilidades na formação da pessoa.
  • A cooperar nos planos local, regional, nacional e internacional para que os jovens se sintam cidadãos responsáveis e membros ativos da sociedade.


Portanto, o papel que pretende o Escotismo é o de ajudar o indivíduo a ter uma consciência crítica, respeitando-se a liberdade pessoal e onde cada membro possa afirmar a sua própria opção social, de forma independente e livre.

A nível individual os membros da AEP vivem a realidade concreta atual, participando nela livre e construtivamente.

A AEP está consciente de ser uma realidade no mundo juvenil e, portanto sente-se responsável perante a sociedade para levar a cabo uma análise dos condicionalismos que afetam os jovens, ou dos ambientes em que estes vivem e, quando considere necessário, atuar quer tornando pública a sua opinião, quer realizando ações concretas.

A AEP colabora com todas as Associações cujos métodos e fins sejam similares e com outras organizações que respeitem o nosso Método e Princípios.

Consideramos necessário e coerente optar por um Compromisso de defesa do Meio Ambiente.

 

texto original aep129.pt

Imprimir Email

0
0
0
s2sdefault

Escotismo com tradição!

Os escoteiros estão em Torres Vedras desde 1914 e o 129 foi oficialmente reaberto em 1999.

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao continuar a navegar está a concordar com a utilização de cookies neste site.
Ok